sexta-feira, 13 de março de 2009

Porsche 356











No fim dos anos 50, o clássico modelo 356, marco de resistência da Porsche, estava se tornando insuficiente para atender a fome de velocidade no mundo do automobilísmo. Lançado em 1948, o primeiro carro da marca alemã era basicamente uma evolução esportiva do fusca. E que posteriormente seria substituído mais precisamente em 1961 pelo Porsche 911 carrera. A construção do 356 foi inciada em junho de 1947, o primeiro protótipo ficou pronto para os testes de estrada 11 meses depois. O 356 possuia um motor de quatro cilindros planos e 1.131 cc, refrigerado a ar; o mesmo usado no fusca, porém com válvulas maiores e uma comprensão mais alta que elevava a potência real de 25cv para 40 cv. O motor foi instalado na frente do eixo traseiro, como no famoso carro de competição Auto Union construído por Ferdinand Porsche no ínicio dos anos 30. Aqui podemos ver a miniatura de um porsche 356 em escala 1:43, conversível em cor prata. O 356 antes de dar lugar ao Porsche 911, teve a sua evolução e aperfeiçoamento até 1965. O 356A, fabricado entre 1955 a 1959, o qual visto por fora era muito parecido com o 356, porém com uma bitola de16mm maior e 40 kg mais pesado. O parabrisas era ligeiramente curvo e a suspensão mais suave. Como também um amortecedor de impacto havia sido incluído com o objetivo de diminuir as vibrações do volante da direção. Na sucessão ainda se seguia o 356 carrera, o qual foi o primeiro dos muitos Porsches que ostentam essa designação clássica. A partir de 1959 até 1963começou-se a fabricar o 356 B, cujo modelo se diferenciava dos anteriores pela sua dianteira remodelada, com faróis e parachoque elevados. E ainda 356 carrera (1960-1965) e 356 C (1963-1965), mas no início da década de 60 já estava evidente o fim da série 356, embora ainda houvesse muito trabalho a ser feito.




video

Nenhum comentário:

Postar um comentário